WhatsApp
(65) 3615-5221
Menu

Nossos Serviços

Corpo Clínico

Guia Paciente

Convênios

Radioterapia

Ouvidoria

Onde Estamos

Notícias

Entendendo a Radioterapia

Publicado por Equipe Oncoguia em 15/06/2016 às 10:02



A radioterapia é uma forma comum de tratamento do câncer. De acordo com a American Society of Radiation Oncology (ASTRO), dois em cada três pacientes com câncer são tratados com radioterapia, isoladamente ou em combinação com outros métodos de terapêuticos, como cirurgia e quimioterapia. Cada caso é único e seu médico é a melhor pessoa para decidir sobre a adequação da radioterapia para o seu tratamento.

A radioterapia é o uso das radiações ionizantes para destruir ou inibir o crescimento das células anormais que formam um tumor. Existem vários tipos de radiação, porém as mais utilizadas são as eletromagnéticas (Raios X ou Raios gama) e os elétrons (disponíveis em aceleradores lineares de alta energia).

Embora as células normais também possam ser danificadas pela radioterapia, geralmente elas podem se reparar, o que não acontece com as células cancerígenas. 

A radioterapia é sempre cuidadosamente planejada de modo a preservar o tecido saudável, tanto quanto possível. No entanto, sempre haverá tecido saudável que será afetado pelo tratamento, causando possíveis efeitos colaterais.

Arcoterapia Volumétrica Modulada (VMAT) no Tratamento de Radioterapia

A arcoterapia volumétrica modulada, também conhecida como VMAT ou RapidArc, melhora a eficácia na conformação da dose em torno do volume alvo, poupando significativamente os órgãos normais adjacentes em um tratamento extremamente rápido. Reduzir o tempo de tratamento significa proporcionar mais conforto aos pacientes e reduzir a possibilidade de quaisquer movimentos durante a sessão de tratamento.

Essa tecnologia é uma evolução da radioterapia de intensidade modulada, pois combina toda a conformação da dose proporcionada por essa técnica com a rapidez de um tratamento em arco para a obtenção de distribuições de dose complexas e com segurança, no menor tempo possível.
Em geral, utilizam-se dois arcos em torno do paciente, reduzindo o tempo total de feixe para algo em torno de 2 minutos.

Essa técnica consiste em um tratamento em arco volumétrico que proporciona uma distribuição de dose 3D precisa com uma única rotação de 360 ​​graus do equipamento em torno do volume alvo. Isso é possível devido a um algoritmo de planejamento que altera simultaneamente três parâmetros durante o tratamento: a velocidade de rotação do equipamento, o uso do colimador multifolhas e a taxa de dose liberada. Assim, todo o volume alvo é atingido de tal forma que a radiação seja distribuída precisamente em três dimensões.

Gerenciando os Efeitos Colaterais da Radioterapia sobre a Sexualidade

A radioterapia pode causar a perda temporária do interesse no sexo, especialmente se você teve outros efeitos colaterais, como cansaço ou náuseas, ou se está preocupado com suas condições clínicas ou tratamento.

Se você irradiou a região pélvica, provavelmente seu radioterapeuta o aconselhará a esperar algumas semanas após o término da radioterapia antes de ter relações sexuais. Isto para permitir que os efeitos de qualquer inflamação na região regridam totalmente.

Você pode achar que não sente vontade de ter relações sexuais por um tempo. Isso pode ser por causa dos efeitos colaterais, como, por exemplo, ansiedade, ou mesmo como você se sente sobre si mesmo sexualmente. Você e seu parceiro, podem precisar de um tempo para se ajustar.

Não é incomum sentir-se nervoso sobre ter sexo pela primeira vez após a radioterapia na região pélvica, mas é perfeitamente seguro para você e seu parceiro. Tome seu tempo, certifique-se de que está relaxado, lembre-se que o uso de lubrificantes vaginais ou cremes irão ajudar a se sentir mais confortável. 

Alguns homens podem ter uma dor aguda ao momento de ejacular. Isso ocorre porque a radioterapia pode irritar a uretra. Essa dor deve desaparecer algumas semanas após o término do tratamento. Em alguns homens a disfunção erétil temporária e a perda de interesse em sexo são efeitos colaterais comuns da radioterapia pélvica.

Após radioterapia pélvica, a quantidade de sêmen produzida se encontra reduzida, o que significa que durante a ejaculação sairá apenas uma pequena quantidade de líquido. Isto é conhecido como ejaculação seca. Embora ainda ocorra o orgasmo, alguns homens sentiram uma sensação diferente à de antes.

Entretanto, se você tiver dificuldades sexuais que não melhoram com o tempo, converse sobre isso com seu médico. Pode ser difícil de falar sobre sua vida sexual e os problemas que você está enfrentando, mas os médicos estão acostumados a lidar com essas questões e se necessário o encaminhará para um terapeuta sexual.

Sistemas de Imobilização para o Tratamento de Radioterapia

É importante que o paciente permaneça imóvel durante cada sessão de radioterapia pois qualquer movimento poderia alterar a área que será tratada.

Quando a radioterapia é administrada na região da cabeça e pescoço, é ainda mais importante a imobilização. Para ajudar nessa imobilização, uma máscara, também denominada de molde, é feita para ser usada durante o tratamento. Uma vez que a máscara esteja pronta, ela é fixada num suporte na mesa de tratamento. Isso garante que a cabeça e o pescoço serão mantidos exatamente na posição correta para o tratamento.

O uso da máscara reduz a possibilidade de qualquer movimento durante a administração da dose prescrita. A máscara é usada apenas durante o processo de planejamento e durante o tratamento em si , o que geralmente leva cerca de 10 a 15 minutos a uma hora por dia. A máscara é individual e você usará sempre a mesma máscara. Essa máscara não precisará ser utilizada em nenhum outro momento.

Confecção da Máscara

A máscara é confeccionada na sala de moldes do serviço de radioterapia por um técnico de radioterapia. O processo de fazer a máscara pode variar ligeiramente entre hospitais, mas, geralmente, leva cerca de 30 minutos. Uma das técnicas utiliza bandagens de gesso úmido e a máscara final é feita de Perspex. A outra técnica usa um tipo de malha de plástico, que é moldada para encaixar a forma do rosto do paciente.

Se você tem barba, vai precisar cortá-la antes de fazer a máscara. Você também precisará cortar o cabelo antes da máscara ser feita dependendo da região da cabeça a ser irradiada. Isso é para garantir que o formato do seu rosto ou cabeça permaneça o mesmo durante o tratamento. Se ocorrerem mudanças na forma, a nova máscara terá que ser refeita, o que pode atrasar o tratamento.

Máscara de Perspex

Se você for fazer uma máscara de Perspex, deverá vestir uma touca de natação ou algum outro tipo de cobertura para proteger o cabelo da mistura de gesso.

Em primeiro lugar, o técnico aplica um creme ou gel em seu rosto. Em seguida, ele começa a colocar tiras de bandagem de gesso sobre o mesmo, deixando aberturas em torno do nariz e da boca, para que você respire facilmente.

O gesso começa a esquentar, isso é normal, mas pode tornar o processo desconfortável. Não se preocupe, não vai queimar. Assim que o gesso seca, o que levará cerca de cinco minutos, o molde é retirado. A máscara é, então, confeccionada em Perspex a partir desse molde.

Máscara de Malha Plástica

Esta técnica utiliza um termoplástico, um tipo de plástico que se torna macio e maleável quando aquecido em água quente.

Ele é colocado em seu rosto para que o plástico delicadamente molde exatamente seu rosto. Parece um pouco como uma flanela quente. A máscara tem muitos buracos, de modo que você poderá respirar facilmente.

Assim que a malha esteja moldada e endurecida, o que demora alguns minutos, a máscara é retirada e está pronta para ser usada no tratamento.

Verificando a Máscara

Quando a máscara estiver pronta, você voltará à sala de moldes para provar a mesma e fazer os ajustes para posicionar corretamente a máscara sobre a mesa de tratamento.

Em seguida, você será colocado num equipamento chamado simulador ou um tomógrafo computadorizado, para determinar a posição exata que você deve estar dentro da máscara durante o tratamento. Algumas vezes são necessárias radiografias para ajudar no planejamento.

O radioterapeuta pode fazer algumas marcas de tinta sobre a máscara. Isto torna mais fácil o posicionamento diário para o tratamento.
(65) 3615-5221
e-box - Sitevip InternetSitevip Internet